COME TO ME

quarta-feira, 30 de março de 2011

NÃO HÁ SALVAÇÃO SEM JESUS


SEM JESUS VOCÊ ESTÁ PERDIDO!

ELE É NEOCALVINISTA, MAS ASSINO EMBAIXO O SEU SERMÃO E AS SUAS AFIRMAÇÕES ACERCA DESSE IMPORTANTE ASSUNTO.

Em um sermão reconhecidamente difícil em 15 anos de ministério, o pastor de Seattle Mark Driscoll deixou isso bem claro que o inferno é real e é o destino para aqueles que não confiam em Jesus.
“Deixe-me dizer isso claramente, … plenamente, … em voz alta: Você está em perigo. Sem Jesus, você vai para o inferno,” o pastor reformado disse à milhares de pessoas na Igreja Mars Hill esse fim de semana.
Driscoll estava pregando sobre o sexto capítulo do Evangelho de Lucas – um livro do Novo Testamento que ele tem estado pregando ao longo de um ano e meio em sua Igreja. Mas o que fez o sermão ainda mais oportuno e muito mais urgente foi o recente debate sobre o inferno na luz do lançamento de Love Wins: A Book About Heaven, Hell and the Fate of Every Person Who Ever Lived (O Amor Vence: Um Livro Sobre o Céu, Inferno e o Destino de Todas as Pessoas que Já Viveram), do pastor Rob Bell, Grandville, Michigan.
Bell, que tem sido acusado de heresia e pregação de universalismo, fez a mídia rondar durante o tour de seu livro este mês. Em uma visita ao MSNBC, o autor popular foi empurrado quatro vezes pelo apresentador Martin Bashir sobre a questão de destino eterno depois de receber respostas insatisfatórias – ou melhor, obscuras.
É irrelevante sobre como se responde a Cristo nesta vida em termos de determinar o destino eterno de alguém?” perguntou Bashir, que também acusou o autor de alterar o Evangelho de modo que seja palatável.
“É extremamente relevante e muito importante. Agora, exatamente como isso funciona e como funciona exatamente isso no futuro, (...) quando você morrer com certeza fica no campo da especulação,” respondeu Bell.
“Você tem que ser muito cuidadoso para não criar doutrinas e dogmas todo sobre o que é especulação.”
Sem citar nomes, Driscoll, autor de Doutrina O que os Cristãos Devem Acreditar, expressou profunda preocupação com os falsos ensinamentos e mensagens que anunciam outra coisa senão a salvação através de Jesus Cristo.
“Isso me incomoda muito quando os pastores bem conhecidos e pregadores e autores são convidados para a televisão … quando o mundo os está ouvindo, o entrevitador os indaga” se você não acredita em Jesus, você está indo para o inferno?” e eles se contorcem ou mudam de assunto ou apelam para as emoções ou contam uma história, eles fazem qualquer coisa, exceto dizer “sim, se você não conhece a Jesus você vai para o inferno,” disse o pastor de 40 anos.
“Amigos, esta é a mais séria de questões,” disse ele na congregação. “Eu não sou juiz, mas há pastores que estão indo para o inferno. Portanto, tenha cuidado em quem confia.”
Para Driscoll, não há ambiguidade nos ensinamentos de Jesus sobre o céu e o inferno.
Sublinhando em todo o seu sermão que seu trabalho é dizer a verdade, Driscoll apontou para os ensinamentos de Jesus sobre a questão difícil do inferno.
Jesus, disse ele, fala do inferno mais do que ninguém em toda a Bíblia. Cerca de 13 por cento dos seus ensinamentos e metade de suas parábolas são referência para o inferno, julgamento ou punição, observou Driscoll.
“Alguns dizem que Jesus é tão amoroso que certamente Jesus não acredita em inferno. Eu diria a pessoa mais amorosa que já viveu não só acredita no inferno, mas é evidente que, enfaticamente, ensina repetidamente sobre ele, o que deve significar que o nosso pecado é mais condenável do que podemos imaginar, se exige que a pessoa mais amorosa fale no mais gritante dos termos,” destacou.
“A existência do inferno, a instrução dada por Jesus, o inferno deve revelar-nos quão pecaminoso o pecado verdadeiramente é e quão rebelde somos realmente.”
Desde o começo, Driscoll, que foi criado como Católico antes de se converter aos 19 anos, rejeitou como falso diversas posições populares que as pessoas têm sobre a morte e a vida após a morte, incluindo o naturalismo (sem alma), universalismo (todos ou quase todos vão para o céu) , a crença na reencarnação (vidas sucessivas e múltiplas), niilismo (sofrer um tempo no inferno, mas eventualmente deixam de existir), e a crença no purgatório (punição temporária e, finalmente, ir para o céu).
Deixando claro que Jesus deixou claro, o pastor de Seattle disse que todos que não conhecem Jesus vão para o inferno.
“Você já recebeu Jesus? Você confia em Jesus? Se não, você está no caminho da ira de Deus. Vocês estão indo para o consciente eterno tormento do inferno,” afirmou.
Citando Jesus, Driscoll ressaltou: “Ninguém vem ao Pai senão por mim.” Ninguém. Ninguém. Budismo, não. Hinduísmo, não. Nova Era, não. Mormonismo, não. Testemunhas de Jeová, não. Boa gente, não. Povo Generoso, não. As pessoas religiosas, não.”
“Não há salvação sem ele (Jesus)!” exclamou ele.
Quanto a uma segunda chance após a morte, Driscoll disse claramente que não há segunda chance.
Seu destino eterno é selado após a sua morte. Esta vida é sua única oportunidade,” pregou.
“Eu vou enterrar muita gente. Então, para mim, isso não é apenas cruel especulação acadêmica,” enfatizou. “É a afeição sincera pastoral.”
“Estou realmente preocupado com alguns de vocês,” disse ele quando ficou com os olhos lacrimejantes. “Eu amo vocês. Eu não posso ter o seu sangue em minhas mãos. ”
Enquanto alguns tentam elevar um atributo de Deus sobre o outro (como o amor), Driscoll observou que, enquanto Deus é amor, a Bíblia fala mais de sua santidade do que qualquer outra coisa.
“Deus é amor, e tudo quanto Deus faz é amar. Deus também é justo. Deus também é santo,” disse ele. “Nosso Deus também é, simultaneamente, perfeitamente um Deus de ira. Não é apenas o nosso Deus, mas o único Deus.
“Deus é santo. Se não nos arrependermos, nós estamos no caminho da sua ira.”
É no amor, no entanto, que Deus enviou Jesus como nosso substituto, para ir para a cruz e nos dar a vida eterna,” Driscoll acrescentou.
Respondendo a perguntas sobre por que Deus criou as pessoas, se o seu futuro é o inferno, Driscoll disse: “As pessoas vão para o inferno, pois rejeitam a Jesus.Não vamos para o inferno de forma inocente.”
“Este não é o mundo como Deus o fez. Este é o mundo que temos corrompido,” ele explicou.
Ele continuou: “O que é espantoso é Deus como Deus se tornara um homem e viveu no mundo que o homem mesmo  destruiu.”
A ira de Deus foi derramada sobre Jesus, ele acrescentou, para que ele possa ser desviado de nós.
“Esse é o dom da salvação. Esse é o amor de Deus.”
Em uma ilustração, Driscoll disse: “Faz todo o sentido para mim que um criminoso condenado vá para a prisão. Da mesma forma, faz todo o sentido que um pecador condenado vá para o inferno.”
O inferno, observou ele, foi feito para o diabo e seus anjos que se rebelaram contra Deus. E assim como a prisão foi feita para proteger o resto do público, o inferno foi feito para “nos proteger.”
“Você não precisa ir lá. Confie em Jesus.”
No que diz respeito a como é o inferno, a ilustração de Lucas revela um lugar de tormento com as chamas. É como estar preso em um prédio em chamas para sempre, disse Driscoll.
Jesus também usa como ilustração um lugar fora de Jerusalém, chamado inferno. Lá, as crianças eram assassinadas e sacrificados por fogo aos falsos deuses (a demônios).
Era um lugar amaldiçoado que se tornou um depósito de lixo da cidade, onde os vermes estavam sempre festa e as chamas sempre queimando.
Perto do fim do seu sermão, Driscoll pediu a congregação para não julgar a Deus.
“Temos disposições pecaminosas. Só temos estado por aqui por poucos anos. Muitos não fazem idéia disso,” ressaltou.
“Para nós, sentar-se em um trono, mesmo se for um trono acadêmico apoiado por notas de rodapé, pedindo ao Criador do céu e da terra passar diante de nós para que possamos emitir um veredicto a respeito de Sua santidade e justiça é ( como tudo começou segundo a Bíblia, com orgulho.”
Driscoll pediu à congregação e aos outros ouvintes on-line para tomar uma decisão – a vida eterna ou morte eterna.
“Você ainda está vivo, por isso estou pedindo a você. Faça a sua decisão enquanto você ainda está vivo.”
Fonte:
Christian Post ( COM CORREÇÕES DE TRADUÇÃO POR HELVECIO S. PEREIRA )

segunda-feira, 28 de março de 2011

FAMÍLIA DE CRENTES DESAPARECE E REDE RECORD FALA DA VOLTA DE CRISTO, ANTICRISTO E GRANDE TRIBULAÇÃO, EM HORÁRIO NOBRE NO ÚLTIMO DOMINGO

VEJA AS REPORTAGENS SOBRE O DESAPARECIMENTO E REENCONTRO DA FAMÍLIA
E O TRECHO SOBRE O ANTICRISTO, A GRANDE TRIBULAÇÃO, ARMAGEDOM E A VOLTA DE CRISTO


Uma família com quatro pessoas - pais e dois filhos - desapareceu em Diadema, na Grande São Paulo, após envolvimento com uma seita religiosa.


Parentes e vizinhos dizem que os quatro passaram a ter comportamento estranho após se envolverem em uma seita. Pais e filhos largaram os empregos e, "de uma hora para outra", desapareceram sem levar roupas ou documentos. 



Uma filha adotiva do casal disse que, antes de desaparecer, os pais e os irmãos dela deixaram dinheiro para pagar as contas e um bilhete de despedida. 



Dois boletins de ocorrência do desaparecimento foram registrados. 

A família de quatro pessoas que estava desaparecida há 14 dias em Diadema, na Grande São Paulo, foi encontrada no início da tarde desta segunda-feira (28), em Ourinhos, no interior de São Paulo. Uma assistente social os encontrou após eles terem sido reconhecidos por funcionários de um abrigo da cidade, na última sexta-feira (25).

Segundo Márcia Moraes, eles foram ao local para pedir alimentação e para pernoitar. Nesta segunda-feira, ela acionou a Polícia Militar para informar o paradeiro dos quatro.

A assistente disse que conversou com a família, explicando que parentes, vizinhos e amigos estavam preocupados com o desaparecimento deles, e o pai decidiu voltar para Diadema. A família deve estar de volta à cidade até o final da tarde desta segunda.

Seita

Parentes e vizinhos dizem que os quatro passaram a ter comportamento estranho após se envolverem em uma seita. Pais e filhos largaram os empregos e, "de uma hora para outra", desapareceram sem levar roupas ou documentos.

A filha adotiva do casal disse que, antes de desaparecer, os pais e os irmãos dela deixaram dinheiro para pagar as contas e um bilhete de despedida. De acordo com ela, o pai influenciou o restante da família, com um discurso que pregava o fim dos tempos, com base em uma profecia bíblica. Para ele, o fato ocorreria por volta das 14h do último dia 14 de março.

Dois boletins de ocorrência do desaparecimento foram registrados. 






Fonte: Rede Record/ Domingo Espetacular/ Rede Record News/ R7.com

domingo, 27 de março de 2011

NO LUGAR CERTO, NA HORA CERTA...PODE SIGNIFICAR TUDO



Tolo é aquele que não se preocupa ( tolo é o que fica ansioso, segundo Jesus ) com assuntos e coisas realmente sérias relacionadas a vida. Há de fato, para todas as pessoas, independentemente onde vivam, como vivam, desafios e enfrentamentos diferentes, que devem ser priorizados e que são diferentes de situações para situações, de lugar para lugar, de época para época. A água é sem dúvida uma necessidade para todos nós, em qualquer lugar da terra, pois sem ela, em questão de horas ou de poucos dias o corpo entra em colapso. Não importa quão culto, quão estudado, quão especialista você seja em alguma coisa, tão complexa, e cujo conhecimento ou habilidade seja para um grupo seleto. Nos deserto, nas regiões áridas as pessoas descrevem se preocupar primeiramente na provisão, no consumo regrado, planejado da água sem a qual morreriam rápida e inevitavelmente. Depois segue-se a água, o alimento. Segue-se a essas necessidades tão preponderantes, a segurança, a habitação, a privacidade.

De fato, seria interminável uma consideração e uma descrição das múltiplas e complexas necessidades que a vida nos impõe, a nós seres humanos ( e não somente ) bem como a todos os animais, dos mais complexos até os mais simples. Gostaria de lembrar que do ponto de vista físico, da academia de ciências, oficialmente é sabido que a vida é uma excrescência, uma impossibilidade. Não há razão científica, verdadeira e realmente plausível para que a mesma existisse sob qualquer uma de suas formas. Gostaria muito de dizer aos ateus sinceros ( e acho que há ateus sinceros descontentes com as religiões e desconfiados sinceramente de todos semelhante humano ) que não é só Deus que aparentemente sôa a seus ouvidos ateus como uma idéia impossível e pouco ou  nada razoável mesmo a despeito do discurso religioso mais elaborado e coerente. Nós somos uma impossibilidade razoável.

A vida é uma loucura, uma excressência irrazoável. Um ateu deveria, coerentemente, duvidar legitimamente, não só de Deus , da idéia de Deus, mas de si mesmo. Por isso talvez a Bíblia, chame o ateu, aquele que nega a existência de Deus, de simplesmente louco. De fato esse indivíduo não raciocina legitimamente, não é lúcido na sua dúvida, nos seus questionamentos, e portanto não considera a luz da verdadeira razão a sua busca. Por isso digo que haja realmente "ateus sinceros" perdidos no caldo caótico das múltiplas informações e "ateus obstinados", inimigos gratuitos de um Deus que não apreendem a idéia para considerá-Lo e a possibilidade de Sua existência como melhor cosmovisão que de fato não têm.

Mas o assunto desse "post" é a vida, da qual  já disse, reproduzindo a visão eminentemente científica, de que é de todo uma impossibilidade razoável e plausível. Existindo a vida, o homem e a sua história ( algo inegável pelos nossos sentidos e razão ) há duas explicações filosóficas-religiosas básicas:

                             - a explicação caótica

                             - a explicação determinista

Todos nós como seres humanos, cultos, incultos, ricos, pobres, morando e vivendo de maneira "x" ou "y" , na prática vivemos sob uma crença em uma das duas, independentemente se somos religiosos, cristãos, não-cristãos, ateus, etc, etc, etc. Ou a vida é um caldo, uma sôpa, onde ingredientes misturados a revelia ou não, se enroscam e se chocam, enquanto o líquido quente ferve e se transforma continuamente sob a ação de um calor externo, onde o macarrão, óleo, carnes, temperos, se movimenta freneticamente numa dimensão complexa e incapaz de ser registrada e descrita a nível do micro fenômeno; ou tudo é determinado, das menores a maiores coisas boas e belas , as menores e maiores e terríveis maldades e desastres  da vida. Se há ou não um Deus único e soberano, essa são as duas únicas possibilidades, e em ambas eu e você somos  NADA ( desculpe a caixa alta ). Iludem-se todos os religiosos e todos os antirreligião. Estão todos perdendo tempo lutando contra algo invisível, inexistente, e que não só não apresenta-nos uma razão razoável e lógica para vivermos, bem como para como e quando morrermos. 


O que faz diferença nesse caos é o encontro. Um encontro faz toda a diferença ( ou também não, alguns resistem a toda a manifestação da verdade que não seja a sua pessoal ) dependendo da pessoa. A religião, seja qual for, incluindo igrejas cristãs, não lhe põem em contato com Deus. O conhecimento por si só não nos põe em contato com Deus. Quando aprendemos algo, nos formamos em uma área do conhecimento, simplesmente repetimos o que nos foi dito e demonstrado logicamente. Passamos a repetir o que ouvimos. ateus e religiosos, todos agimos assim. De fato, ambos religiosos e ateus, repetem ambos, o que crêem, não o que vivenciaram em cem por cento em suas vidas.

Nos sentimos bem em estarmos e sermos aparentemente parte do grupo que agrega maior valor ao que achamos de nós mesmos. Um católico se sente bem em dizer que é católico romano, um ateu em dizer que tem milhões de ateus mais inteligentes que os milhões de religiosos  que se opõem a ele e ele  a eles ( os religiosos ). Estatísticamente a grosso modo, ambos os lados têm 50% de chance de estarem certos ou errados. Mas só um lado, a princípio, e o digo de modo lógico: tem realmente a perder se estiver enganado. Particularmente, ao determinismo ( que não é uma posição originalmente cristã e nem majoritariamente cristã ) não discorreremos no momento sobre ela, por não ser exatamente  relevante a essa abordagem.

A Bíblia nos revela muitas coisas acerca de Deus, não tudo, mas as mais importantes. Uma delas é que Deus resiste aos soberbos. Se você é presunçoso em seu conhecimento e logicidade, Deus NUNCA SE REVELARÁ A VOCÊ. Simplesmente porque você, no íntimo se julga maior do que Ele, ou na melhor das hipóteses capaz de ser igual a Ele ( Deus ). Você acha que pode bater papo com Ele de igual para igual, pressioná-Lo, inquiri-Lo. Falando de modo racional, não religioso, até psicologicamente, é exatamente isso. Outra confusão possível é a de confundir os religiosos, a idéia de Deus, com o próprio Deus, o que são claramente duas coisas diferentes.

Deus não se revela a religiosos, por serem religiosos, igualmente. Muitos dos que confessam a existência de Deus não O conhecem, e Ele ( Deus ) não se revela a eles ou a essas pessoas. A razão lógica e simples é que, mesmo confessando a Sua existência, Deus é um objeto de pesquisa, de análise, uma coisa menor que eles mesmos simples seres humanos, e suscetivel a sua descrição, muitas e na maioria das vezes, institucional. Entre esses e ateus, Deus não deixara o seu trono, sairá do lugar de Sua existência, para defender esses religiosos contra os não religiosos. Portanto a prova da existência ou não de Deus, não será dada a favor dos religiosos contra um ateu, só para dizer que esses tem mais razão que os demais.

Muitas vezes a religião toma para si mesma o lugar de Deus na vida do homem, quando nem mediadora de Deus ela é ( só há um mediador entre Deus e o homem: Jesus Cristo ) mas apenas uma instituição humana, que guarda temporariamente o registro, a memória acerca de Deus ( ou as vezes nem isso ). Desse modo ao declarar o que Deus não disse faz-Lo mentiroso. Dessa forma ambos, religiosos ( mesmos supostamente cristãos ) podem estar igualmente distantes, a parte, e separados de Deus, portanto segundo as Escrituras, ambos irremediavelmente perdidos.

A fé e o conhecimento autênticos acerca de Deus só vêm, "pelo ouvir a Palavra de Deus" e nunca de outro modo. Trata-se de uma experiência individual, solitária, embora ocorra até mesmo no meio de uma multidão ainda que religiosa, cantando canções, hinos religiosos, mas impulsionada pela ação real e única da voz de Deus, audível ou não, através de uma idéia ou pensamento, como prova de que Ele, está comunicando-se com o seu espírito, mente ou alma. Uma luz se acende, algo novo e único acontece e as respostas as questões mais importantes são imediatamente respondidas e fazem num único momento, novo sentido. Nessa experiência  pessoal e intransferível, esse homem, essa  mulher fala pela primeira vez em toda uma vida, de décadas, as primeiras palavras realmente sinceras e humildes ao seu Criador e tem em seu coração um assentimento de que pela primeira vez está realmente sendo ouvido. Depois dessa experiência sem escrípt e patrocínio institucional religioso, emerge muitas vezes, das lágrimas de olhos que nunca choraram por Deus e diante dEle, um novo homem e uma nova mulher.

Por onde então começar? Se há um exemplar da Bíblia em sua casa, ou no hotel, ou algum outro lugar em que esteja, até mesmo na web, disponha-se a lê-la, mas não a lê-la como a um outro livro, ou como a criticá-la, analizá-la. Se for sincero, se não for soberbo mais uma vez, miraculosamente algum texto lhe fará pela primeira vez sentido e marcará esse seu primeiro momento disposto a ouvir pela primeira vez a voz de Deus. Outro modo é ir a alguma igreja evangélica, onde um pregador pregue acerca de Deus. A centenas de igrejas evangélicas e a despeito de suas diferenças, níveis de cultura de seus pastores e pregadores, Deus poderá falar-lhe ao coração através de qualquer um deles. Pessoas cultas, estudadas e ricas, são tocadas por palavras vindas da boca de pregadores limitados e incultos para que esses cultos e sábios, saibam que não vem  do homem, ou do conhecimento escolar, a verdadeira Palavra de Deus, nem da denominação, nem da igreja em particular, nem do líder, do fundador, etc.

Se você foi absolutamente sincero no passo um, Deus lhe falará de forma inconfundível ( para você ) no passo dois. a partir daí uma série de acontecimentos farão realmente sentido para você e as coisas de Deus serão reais para você de tal modo que nada nesse mundo poderá negar ou apagar a sua experiência pessoal com Deus e a Sua Palavra. Essa é a genuína experiência cristã, o único e bíblico encontro com Deus. Há algo que lhe desejo compartilhar: a experiência com Deus segue uma regra que é a de que quem a têm ore por quem não a tenha. Eu tive essa experiência porque alguém ( não sei exatamente quem ) teve dó ( pena mesmo ) de mim e orou para que eu a tivesse. Sem esse tipo de "elo", ninguém vem a conhecer a Deus e ser salvo. Eu orei porto dos os leitores dessa postagem. Algo acontecerá com você, tal qual acontece todos os dias com milhões de novos crentes. Muitas vezes isso é chamado de "aceitar Jesus" e não a nada de errado em chamar dessa forma a essa experiência única e obrigatória para a salvação pessoal. Isso não faz nenhum sentido para você agora, mas fará no futuro. Deus o abençoe alcançando-o nas suas dúvidas e questionamentos, curando e libertando-o dos males que o afligem.

Amém.

Por Helvécio S. Pereira


CONHEÇA UMA EXPERIÊNCIA, QUE BEM PODE ENCONTRAR SEMELHANÇA NA SUA FUTURA EXPERIÊNCIA COM DEUS, CLICANDO  NA IMAGEM E LINK ABAIXO. DEUS O ABENÇÔE!


quarta-feira, 23 de março de 2011

HÁ EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS E LÓGICAS ACERCA DO DILÚVIO BÍBLICO?

Trata-se apenas de uma abordagem bastante sucinta, para pontuar alguns detalhes pouco lembrados e expostos em algumas discussões. Se não veja:

( * ) Ambos os textos não são meus e encontrei-os na web e portanto  republico-os no momento sem modificações e correções.

ALÉM DO SOL

          Não são poucas as evidências antropológicas, históricas e científicas que atestam a realidade do Dilúvio. Examinando-as, os que optam pelo bom senso logo concluem pela historicidade da inundação universal de conformidade com o relato Bíblico.

          1) Evidências arqueológicas - Em 1852, o arqueólogo inglês George Smith descobriu entre as ruínas da Babilónia uma série de tijolinhos, gravados em caracteres cuneiformes, uma narrativa bastante similar à do dilúvio Bíblico. Se pesquisarmos detidamente as crenças dos gregos, romanos, eslavos, tupis e guaranis, etc, constataremos: quase todos os povos são capazes de reconstruir, embora de forma distorcida, a ocorrência de uma grande inundação, cujo objectivo básico foi punir a rebeldia do homem contra o seu Criador.

          Os arqueólogos vêm encontrando, igualmente, cemitérios fósseis nas mais diversas regiões do mundo, indicando a ocorrência de uma repentina catástrofe geológica. A aparência desses animais petrificados é de que eles foram, de facto, sepultados de forma violenta e súbita por uma indescritível inundação.

          Acerca do assunto, escreve o arqueólogo F. C. Hibben: “Há evidências de perturbações atmosféricas, de violência sem igual. Tanto mamutes como bisões foram dilacerados e torcidos como que por mãos cósmicas em fúria divina. Os animais foram simplesmente dilacerados e espalhados através da paisagem como se fossem palha e barbantes embora alguns deles pesassem várias toneladas”.

          Por conseguinte, os sítios arqueológicos não evidenciam a existência de um parque de dinossauros; evidenciam a ocorrência de um dilúvio que, inesperadamente, acabou com a vida no planeta, com excepção de Noé e da sua família e dos animais que se achavam com ele na arca.

          2) Evidências históricas – Há vários relatos de aviadores, indicando a presença de um grande barco na região de Ararate, onde pousou a Arca de Noé (Gn. 8:4). em 1954, o explorador norte-americano John Liibi reportou que, na sua expedição a um dos montes de Ararate, entre a Rússia e a Turquia, ficou a menos de 60 metros da arca. Aliás, em 1917, um piloto russo, ao sobrevoar a região, confirmara a presença de uma descomunal embarcação, exactamente onde John Liibi chegaria algumas décadas depois.

          3) Evidências científicas – Alegam os cépticos que não haveria água em volume suficiente, na atmosfera, para submergir o planeta. Ignoram eles, porém, que o Dilúvio não foi causado apenas pela chuva torrencial que fustigou a terra por 40 dias e 40 noites. Houve, de igual modo, sucessivos e ininterruptos maremotos. Se um único tsunami foi suficiente para alagar o litoral de 12 países, o que não terá causado uma longa série desses fenómenos?

          Argumentam ainda alguns pseudo-cientistas que seria impossível cobrir altos montes como o Everest, cujo topo ultrapassa os 7 mil metros. Todavia, a altitude média do planeta é de apenas 800 metros acima do nível do mar, ao passo que a profundidade média dos oceanos é de 4 mil metros.

          Levemos em conta, outrossim, as águas que, originalmente, encontravam-se na chamada expansão aérea (Gn. 1:7). Formando um escudo aerotelúrico, essas águas impediam a acção dos raios cósmicos sobre a Terra, possibilitando um perfeito sistema ecológico. Sob tal atmosfera, era possível uma qualidade de vida excelente e uma longevidade proverbial como a de Matusalém.

          No Dilúvio, porém, foi destruído o escudo aerotelúrico. Toda a água que o formava abateu-se sobre a terra, aumentando consideravelmente a área ocupada pelos oceanos. Aliás, o que os cientistas chamam de período glacial do planeta foi, na verdade, uma inundação global acompanhada de um resfriamento da terra.
Como nos dias de Noé

          Outros argumentos poderiam ser apresentados sobre a historicidade do dilúvio universal registado em Génesis. Creio porém, que as evidências já mostradas são mais do que suficientes para levar os incrédulos a uma reflexão quanto à justiça divina. Pois os dias de hoje em nada diferem daqueles que antecederam ao Dilúvio conforme adverte o Senhor Jesus ( o maior e mais fidedígno testemunho acerca do Dilúvio Bíblico e Universal ). 

          “Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca, e não o perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do Homem” ( Mt. 24:38-39).

Claudionor Corrêa de Andrade
(Ministro do Evangelho, escritor, gerente do Departamento de Publicações da CPAD e membro da Academia Evangélica de Letras e da Casa de Letras Emílio Conde)

Texto extraído da revista Resposta Fiel de Mar/Abri/Maio de 2005


II



Evidência do Dilúvio bíblico nas cadeias montanhosas 

No princípio criou Deus os céus e a Terra

Evidência do Dilúvio bíblico nas cadeias montanhosas


A respeito do Dilúvio, diz-nos a bíblia que os montes estiveram debaixo das águas. Se isto aconteceu, poderíamos esperar encontrar vestígios marinhos nas grandes regiões montanhosas… e é precisamente isso que encontramos.

Existem fósseis de baleias e outros animais marinhos na Cordilheira dos Andes, na América do Sul.

Existem fósseis de tubarões e outros animais marinhos na Cordilheira do Atlas, em Marrocos.

Existem fósseis de animais marinhos nos Himalaias, na Ásia.
Existem fósseis de animais marinhos no Evereste, na Ásia.
Existem fósseis de animais marinhos em montanhas na China ( Ver AQUI e AQUI ).

O facto de encontrarmos milhares de fósseis muito acima do nível das águas é evidência de que a terra já esteve debaixo delas. Claro que não esperem que o céptico admita que tudo isto é evidência do dilúvio de Noé. Pedro diz-nos que eles de propósito ignoram que o planeta esteve coberto de água (II Pedro 3:5-6). Por outras palavras, são burros de propósito!
himalaias
_______________________________________________________
“Elevaram-se as montanhas, desceram os vales, até o lugar que lhes determinaste” (Salmos 104:8)

terça-feira, 22 de março de 2011

RUI BARBOSA FOI CONSULTOR DA EDIÇÃO DA BÍBLIA EM LINGUAGEM BRASILEIRA


Reedição da Bíblia sagrada na Tradução Brasileira
Posted: 21 Mar 2011 05:04 AM PDT

Um clássico da literatura bíblica volta a ser editado pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB). Trata-se da Bíblia Sagrada na Tradução Brasileira, uma obra histórica que levou 11 anos para ser concluída (1903 a 1914). Tendo sua primeira edição publicada em 1917, foi um projeto de tradução pioneiro, por ter sido totalmente realizado no Brasil.

Também conhecida como Versão Brasileira ou Versão Fiel, a Tradução Brasileira contou com uma comissão de tradução formada por notáveis da literatura nacional, entre os quais Rui Barbosa, José Veríssimo e Heráclito Graça, que atuaram como consultores linguísticos. Liderada por Hugh Clarence Tucker, missionário metodista norte-americano, integraram, ainda, sua comissão de tradução líderes religiosos do Brasil e Estados Unidos, com destaque para Hipólito de O. Campos, Antônio B. Trajano, Alfredo Borges Teixeira, John M. Kyle e John R. Smith.

A Tradução Brasileira ganhou renome pela fidelidade ao sentido original. Chegou a ser conhecida como “Bíblia Tira-Teima”. Seu relançamento está fundamentado em dois grandes pontos: ela é um marco histórico e um documento que auxilia, em muitos casos, a compreender a origem das formulações encontradas na tradução de Almeida Revista e Atualizada.

A nova edição trouxe algumas alterações e atualizações em relação ao texto bíblico de 1917. São elas:

- Atualização gramatical e ortográfica, de acordo com as normas atuais da Língua Portuguesa.

- Utilização das formas aportuguesadas adotadas na tradução de Almeida Revista e Atualizada na grafia dos nomes próprios. Originalmente, na Tradução Brasileira, os nomes haviam sido transliterados, como, por exemplo, Jehoshaphat, Habakkuk, Nebuchadnezzar e Zephanias. Na nova edição, os nomes aparecem grafados como Josafá, Habacuque, Nabucodonosor e Sofonias, respectivamente.

- No caso do tetragrama, isto é, nome de Deus no Antigo Testamento, foi mantida a forma originalmente adotada pela comissão tradutora, havendo apenas uma atualização gráfica (de Jehovah passou para Jeová). Importante destacar que a forma “Jeová” resulta da vocalização do tetragrama YHWH como Adonay (“meu Senhor”).

A versão atualizada da Tradução Brasileira também está disponível em formato eletrônico, podendo ser encontrada no pacote de traduções oferecido pela Bíblia Digital Glow e, em formato ePub, nas lojas virtuais Gato Sabido (www.gatosabido.com.br) e Livraria Saraiva (www.livrariasaraiva.com.br) .


Recursos
- Conjunto original de notas e referências cruzadas (só no formato impresso)
- Mapas (só no formato impresso)



Descrição do Produto
Título: Bíblia Sagrada – Tradução Brasileira
Categoria: Bíblias
Código: TB063 EAN: 978-85-311-0283-7: TB063 – capa dura preta 978-85-311-0811-2: TB – formato ePub
Papel: Bíblia branco
Formato: 13,5 x 21,0 cm
Nº Páginas: 1.216

Preço: ePub: R$ 19,90 Impresso: R$ 17,90


Notícias Cristãs com informações da SBB

CLIQUE NA IMAGEM E FAÇA O DOWNLOAD DESSE E-BOOK

CLIQUE NA IMAGEM E FAÇA O DOWNLOAD DESSE E-BOOK
Clique na imagem acima e saiba como fazer o download desse importante e-book

EM DESTAQUE NA SEMANA

VOCÊ NÃO PODE DEIXAR DE LER




09 Dez 2010
Reflexões acerca do que a Bíblia revela e declara sob a ótica cristã autêntica. Nada porém substitui a leitura pessoal da Bíblia, a inerrante Palavra de Deus. LEIA A BÍBLIA! Salmos 119:105 Lâmpada para os meus pés é tua palavra, ...
19 Dez 2010
Essa pessoa sai pensando em Deus de um modo ou de outro, e em decisões que fatalmente terá de tomar frente ao divino. Nas prisões, após ouvir um pregador ou missionário de uma ou outra igreja, os criminosos mais terríveis param para ...
01 Dez 2010
A Bíblia é fonte inesgotável de ensinamentos dados do ponto de vista de Deus. As Sagradas Escrituras só não revelam o que, segundo a aprovação de Deus, Ele mesmo por Si não quer revelar-nos. Deus não revela coisas imposto pela ...
09 Dez 2010
Infelizmente ou ao contrário, como seres sociais e assim planejados por Deus, só construímos conhecimento em cima de informações e conhecimentos que nos antecedem. Por isso é natural não poucos de nós repetirmos conclusões feitas por ...

UM ABENÇOADO E VITORIOSO ANO NOVO A TODOS! OBRIGADO A TODOS OS LEITORES E VISITANTES!

Arquivo do blog

TEOLOGIA EM DESTAQUE: DIVERSAS POSTAGENS


26 Ago 2010
Nessa postagem quero deixar claro que dentre as diversas teologias usadas ( teologia popular, teologia leiga, teologia ministerial, teologia profissional e teologia acadêmica ) a que move a igreja e faz avançar o seu ...
27 Out 2011
Por experiência entenda-se todas as comprovações factuais acerca do que se crê conforme a teologia crida, seja essa oficial, oficiosa, leiga, individual, etc. Assim posto, é necessário colocar que o que me fez tocar nesse ...
25 Ago 2010
A teologia leiga é portanto um passo além da teologia popular, na verdade uma passo acima. Quando um crente dedica-se mais sistematicamente a investigação da sua fé , buscando uma melhor forma de não só expor o ...
11 Jan 2011
Conforme postagens anteriores que esclarecem a diferença entre teologia oficial e leiga, evidentemente em todas as igrejas há, por parte de seus membros uma teologia mais popular e uma teologia pessoal. Mesmos ...

links úteis

Atenção!

TODAS AS NOSSAS POSTAGENS TRAZEM ABAIXO LINKS PARA COMPARTILHAMENTO E IMPRESSÃO E SALVAMENTO EM PDF. NO CASO CLIQUEM 'JOLIPRINT' E UM SITE CONVERTERÁ O POST EM UM PDF AGRADÁVEL DE SER SALVO E PORTANTO GUARDADO PARA LEITURA POSTERIOR ( fica visível em alguns navegadores, aproveite essa funcionalidade extra! )

CRISE NO CATOLICISMO

ACESSE JÁ CLICANDO NO LINK ABAIXO

ACESSE JÁ CLICANDO NO LINK ABAIXO
VÁRIAS VERSÕES, ESTUDOS SOBRE CADA LIVRO DAS ESCRITURAS

NÃO PERCA UMA POSTAGEM DIGITE ABAIXO O SEU E-MAIL OU DE UM AMIGO

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

ATUALIDADE ! CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E LEIA AGORA MESMO!

ATUALIDADE ! CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E LEIA AGORA MESMO!
NÃO PERDER O FOCO...QUAL O REAL PRINCÍPIO DO CULTO? CLIQUE NA IMAGEM ACIMA E ACESSE

CURSO TEOLÓGICO GRÁTIS! *HÁ TAMBÉM OUTROS CURSOS DISPONÍVEIS

QUEM INVENTOU O APELO NOS CULTOS?

SOBRE O LIVRO DE GÊNESIS, LEIA AS PRINCIPAIS POSTAGENS

25 Nov 2010
Tenho algumas vezes, em minhas despretenciosas reflexões ( despretenciosas por não terem o tom acadêmico e muito menos professoral, são apenas reflexões ), dito que se não se crer no que o Livro de Gênesis declara, não é necessário ...
31 Jan 2011
-A razão das atuais, ou pelo menos de predominância histórica, das condições existenciais e morais do homem têm no Gênesis a sua satisfatória resposta. A existência de condições nem sempre e totalmente favoráveis a nosso conforto ...
11 Jan 2011
Como parte do pentateuco, o Gênesis, depreciado modernamente graças a nossa submissão e endeusamento da ciência, que com a sua contribuição à saúde, tecnologia e construção material da sociedade, pouco ou quase nada tem a dizer sobre ...
21 Nov 2010
A religiosidade cristã moderna ou atual, de há muito tem se contentado e desprezado as narrativas de Gênesis, precioado por parte majoritária de setores quase que totais do mundo científico e da falsa sensação de que tudo pode ser ...

O GÊNESIS, COM NARRAÇÃO DE CID MOREIRA E IMAGENS

NÃO DEIXE DE LER OS SEGUINTES POSTS DENTRE OS MAIS LIDOS...

29 Mai 2010
UM LIVRO OBRIGATÓRIO PARA CATÓLICOS E EVANGÉLICOS ACERCA DA ERRÔNEA CULTURA DO CULTO A MARIA. Recebi por indicação do irmão Jorge Fernandes Isha, um e-book gratuito, de leitura obrigatória para os evangélicos e para ...
16 Fev 2010
Judas era o mais culto, de origem e status social diverso dos demais, de outra cidade, e foi substituído não pelo apóstolo dentre os discípulos eleito pelos demais, por própria escolha de Jesus, após a morte de Estevão, Saulo, discípulo de Gamaliel, provavelmente o mais preparado ...Melquesedeque, Maria , José, e tantos outros. Deus se dá a conhecer plenamente a cada um que o ama. O ue Ele fará na história as vezes não noscompete saber, as vezes sim. Essa é a diferença. ...
19 Mar 2010
Tal qual os fariseus, põem não poucos impencilhos que vão desde reparações a pregação simples e com pouca ligação com a hermeneutica e pregação convencionais, a música, letra das canções, a ordem do culto, forma dos apelos e ... Essa pessoa , esse novo crente, como filho ou filha de Deus de fato, tem agora uma nova vida, como Madalena, Zaqueu, o Gadareno, o Centurião, Nicodemos,o ladrão da cruz, Marta e Maria, Lázaro ( não necessariamente nessa ordem ), e tantos outros. ...
04 Mar 2011
Nesse aspecto seria legítimo um católico cultuar Maria como N.Senhora, um muçulmano a Maomé como seu legítimo profeta, um budista como objeto de culto, e assim por diante. Todoslçegitimamente amparados por sentimentos sinceros e ...
English (auto-detected) » English




English (auto-detected) » English


English (auto-detected) » English

VISITE JÁ UM BLOG SOBRE ATUALIDADES RELIGIOSAS E FATOS IMPORTANTES NO MUNDO

VISITE JÁ  UM BLOG SOBRE ATUALIDADES RELIGIOSAS E FATOS IMPORTANTES NO MUNDO
CONTANDO OS NOSSOS DIAS ACESSE JÁ. CLIQUE AQUI!

ESTUDE EM CASA.TRABALHE EM CASA!

leitores on line

OPORTUNIDADE!

LEIA: E-BOOKS EVANGÉLICOS GRÁTIS Clicando na imagem a abaixo você fará os downloads dos mesmos