SANDI PATTY LOVE IN ANY LANGUAGE

domingo, 27 de novembro de 2011

POR QUE AS PESSOAS NÃO CRÊEM NAS COISAS DE DEUS REVELADAS NA BÍBLIA?

Direto a uma das respostas prováveis: é porque contradizem em muito a realidade deste mundo. Tal coisa parece, a primeira vista algo razoável quando se lê ou se ouve um pregador falando sobre o céu, o futuro, o reino de Deus, o reinado de Jesus Cristo glorificado, os salvos nos céus, os crentes do passado vivos com os crentes de todas as épocas depois deles, anjos, querubins, música nos céus, metais líquidos, metais  transparentes, uma cidade flutuante que desce dos céus, etc, etc, tanta coisa.

Mas esses não páram sinceramente para pensar que o que achamos natural, lógico, razoável, é de fato tão sobrenatural, tão fantástico, que se estivéssemos em outro mundo diferente do que vivemos, a descrição dos fenômenos considerados "naturais" seriam igualmente fantásticos. Poderia dar inúmeros exemplos, todos conhecidos e descritos pela nossa ciência e outros não inteiramente descritos mas já observáveis que são de fato fantásticos e aparentemente tão ilógicos  quantos os fenômenos descritos nas Escrituras, na Bíblia Sagrada acerca da eternidade, do céus, etc. Imagine uma jovem bonita, de qualquer etnia, em plena saúde, e com todas as capacidades intelectuais, emocionais plenamente desenvolvidas. Por exemplo, entre outros, existem mais "nada" do que alguma coisa no universo atual, e de fato o "nada" completo, pelo menos no universo, não existe desde que fora criado por Deus "no princípio", mas se alguém lhe disser isso em uma conversa, parecerá algo totalmente ilógico. Mas não é só isso.

Se você não soubesse nada sobre a concepção humana, crescimento e desenvolvimento humano ( é claro que para isso você teria que ser um autêntico  ET, um extra terrestre, sem nenhuma informação acerca do planeta terra, da sua biologia, enfim da vida na terra ) e alguém lhe dissesse que os elementos químicos que constituem essa jovem  são os mesmos de uma porção de terra, e que se fossem adquiridos em algum lugar, por cerca de menos de US$40 ( cerca de oitenta reais ) se arranjados e usados na proporção exata você teria como resultado, uma bela mulher negra, ou oriental, ou caucasiana, ou índia, ou de mais de uma centena de etinias, perfeita, com dentes, pele, curvas, sorriso, intelecto e alma plenamente femininas e capaz de reproduzir-se gerando outros seres humanos semelhantes a ela o que você diria?

E se alguém lhe dissesse que essa jovem é uma bolsa cheia de água, um tubo adornado com membros e detalhes que a capacitam interagir com o mundo a sua volta, e que tudo que ela come, junto com o ar que respira e a água que bebe, lhe dão vida para que por mais de sete décadas, ela veja uma história humana se desenrolar ante os seus olhos? E se lhe dissesse que esse ser pode compreender não só o mundo que vê diante de si, mas pensar e perceber como ele funciona, e ainda mais compreender o pensamento de Deus? Que ela e mais o homem, uma variação dela mesma, tem a mesma capacidade e tendências que se completam e que cumprem juntos um propósito, um plano que não é solto na existência, e que ambos diferem dos animais, sendo mais que todos eles, possuindo uma alma?

Claro você pode negar tudo isso e todas as demais coisas relacionadas a que de passagem citei. E o que você terá? Que cosmovisão melhor lhe sobrara acerca de si mesmo, da eternidade, da vida, do que vale a pena e do que não vale, enfim do sentido que torna todas as coisas explicáveis e justificadas?

Há de fato dois componentes que definem a fé de alguém acerca das coisas de Deus, mais diretamente as reveladas nas Escrituras, na Bíblia Sagrada:


Informação;


Inclinação,
uma forma real de uma terrível inimizade contra Deus.



Muitas pessoas lidam com informações incorretas acerca da Bíblia e de Jesus Cristo mas muitas além disso ou a despeito disso, odeiam as coisas de Deus, pois essas parecem ir contra o que idealizam como sua cosmovisão pessoal. A idéia de pecado, de céu, de inferno, de alma, de eternidade vai contra o que gostariam que fosse a lógica da vida, a realidade que lhes contradiz e destrói a sua inconsciente compreensão da vida e de si mesmo.

Essas pessoas sem o saberem são inimigas de Deus, não é exatamente a ignorância acerca de Deus, mas a desaprovação a essa idéia de Deus. Não é esse Deus que desejam que exista e não é essa realidade que podem aceitar, por isso afastam de si essa revelação a todo custo, nem mesmo ousam avaliá-la mais seriamente. Tratam Deus como inexistente, uma idéia, ou ainda mais ilógico: alguém com quem poderiam duelar, medir forças e vencer. Não consideram que nem por possibilidade, se estiverem errados, represálias seriam no mínimo viáveis e razoáveis.



ESSAS PESSOAS NEGAM A EXISTÊNCIA DE DEUS NÃO POR FALTA ABSOLUTA DE INFORMAÇÃO ACERCA DELE, MAS PORQUE NÃO QUEREM TER UM DEUS. ODEIAM A IDÉIA DE TEREM DE PRESTAR CONTAS DE SUAS IDÉIAS E PRÁTICAS A ALGUÉM. NO SEU INCONSCIENTE É COMO SE GRITASSEM A TODO PULMÃO: DEUS NÃO PODE EXISTIR! NÃO QUERO QUE DEUS EXISTA! ODEIO ESSE DEUS QUE QUER MANDAR EM MIM! NINGUÉM MANDA EM MIM! EU SOU O DEUS DE MIM MESMO!

É O ÓDIO INCONFESSO DE DEUS QUE AFASTA AS PESSOAS DE DEUS!


PARA JUSTIFICAR ESSA ATITUDE INCONSCIENTE ATACAM OS TEÍSTAS, A BÍBLIA, AO DEUS BÍBLICO E A JESUS CRISTO, COMO SE PUDESSEM JUSTIFICAR A SUA ATITUDE E PENSAMENTO. A FALHA E O ERRO DOS CRENTES LHES LIVRARIA, DE ALGUMA MANEIRA DA CULPA DE SEREM INGRATOS, INCREDULOS E PRESUNÇOSOS, MESMO SEM TER SUBSÍDIOS MELHORES A APRESENTAR AOS OUTROS NO LUGAR DA FÉ QUE OBSTINADAMENTE COMBATEM.

JESUS CRISTO É O DEUS CONOSCO QUE RECONCILIA ESSE HOMEM AVESSO A DEUS COM O DEUS VERDADEIRO.



COMO? INDO A ELE, JESUS CRISTO, RECONHECENDO-O COMO DEUS E FILHO DE DEUS.


MAS ESSE ENCONTRO É TEOLÓGICO, CONFESSIONAL, DENOMINACIONAL, ECLESIAL? NÃO!  É RELACIONAL.


COMECE ORANDO A ELE, NA SOLIDÃO DO SEU QUARTO, NO ÔNIBUS, NA RUA, ATÉ NA MESA DE UM BAR, EM UMA CELA, NA CAMA DE UM HOSPITAL, NOS DESTROÇOS DE UM ACIDENTE, FERIDO POR UM TIRO EM UMA GUERRA ATÉ MESMO URBANA, DIANTE DA TELA DE UMA TELEVISÃO EM QUE UM PREGADOR LHE CONVIDA A IR A JESUS CRISTO, E ATÉ MESMO NUMA IGREJA.


FAÇA ISSO HOJE OU AJUDE ALGUÉM A FAZÊ-LO!




Quem é você e qual a sua posição? É um inimigo de Deus declarado ou velado? Saiba que não poderá matá-Lo, muitos pensadores já tentaram e há, em tese, razoavelmente, uma boa dose de possibilidade que um dia será por Ele confrontado. Se fosse um simples homem, esse homem não lhe deixaria impune, quanto mais Aquele que nos deu e nos dá tudo que temos de um modo ou de outro. Tudo vem dEle, Ele é o início e fim de todas as coisas, gostemos ou não disso. Pense nisso... seriamente.

Por Helvécio S. Pereira

COMENTE ESSA POSTAGEM

terça-feira, 15 de novembro de 2011

UMA PALAVRA DEFINITIVA SOBRE O "CAIR NO ESPÍRITO", SE VOCÊ QUISER OUVIR...OUÇA!

Mas longe esteja de mim gloriar-me, senão na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim, e eu, para o mundo.

Gálatas 6:14



Após a veiculação da reportagem sobre o cair no Espírito no Domingo Espetacular da Rede Record, o número de postagens em blogs e manifestações em sites contra o bispo Edir Macedo, contra a Rede Record e a IURD, tem se mostrado contundentes. Abordando diversos aspectos como o aparecimento da cantora Ana Paula Valadão, agora contratada pela Sony ligada à Rede Globo, e uma das estrelas do "Troféu Promessa", ex-"Troféu Talento" da Record, antes promovido pela então Rede Aleluia ligada a IURD, defendendo-a e colocando como vítima no assunto como se esse fosse o problema principal.

Afinal a questão é: tais manifestações são de Deus, glorificam a Deus, sejam em igrejas ricas e dentre cristãos cultos ou entre cristãos ( crentes ) simples e com insuficiente conhecimento bíblico? Promovido por estrangeiros tem validade? Ou será que promovido por brasileiros de periferia perde a validade? Ou será um embuste, um erro, um engano para ambos, custe a quem custar? Vale a Bíblia, as Escrituras ou o peso pessoal de uma celebridade ainda que cristã? Importa a razão de uns contra outros, sentimentos, opiniões pessoais, comprometimentos pessoais devidos a simpatias, respeito mútuo, convergência de idéias, ou ainda suspeitos interesses? O crente na sua privacidade e responsabilidade pessoal deve ter as suas convicções baseadas em simples homens e mulheres ou em Deus através unicamente de Sua Palavra, doa a quem doer?

Uma chamada em um site conclama "jornalista famoso critica reportagem do Domingo Espetacular" já coloca diante do leitor uma posição acerca do assunto que deva ser ouvida pelo fato dele ( o jornalista ) ser "famoso" e na verdade, nem tão famoso assim ele é. Fato é que suas declarações para serem corretas nem dependem dele ( o jornalista ) ser famoso ou não, deve ser julgadas e analisadas pelos argumentos reais e verdadeiros, que no caso são incompletos. Ele se coloca contra a reportagem em todos os aspectos e até se engana em alguns deles. Mas esse não é o caso como deixarei mais claro a seguir.

Há uma guerra entre a Record e a Rede Globo ainda? Sim há. É salutar? As vezes e nem sempre, mas é um fato, incluindo o nível de influência no governo do país. Afinal Lula e Dilma foram eleitos com claro apoio do bispo Edir Macedo contra a s opiniões de Silas Malafaia e tantos outros, que não só não engoliram a derrota e a perda de peso das suas opiniões que desejam dar-lhe um troco. Há guerras naturais entre vizinhos, entre gerentes em uma empresa, entre chefes, entre diretores, supervisores, etc e entre pastores e líderes denominacionais, é até natural. Desejável? Talvez. Incomoda? Também.

A Globo se apropriou do "Troféu Talento" criando o "Troféu Promessa" com o mesmo produtor que trabalhava para a Rede Record? Sim. O motivo para a Globo é financeiro? Sim novamente. A Globo se redime aproximando do público evangélico para alavancar sua audiência? Também sim. Ana Paula, André, foram ricamente beneficiados pela IURD durante vários anos pela veiculação das suas músicas e discos na Rede Aleluia? Sim e até a muito pouco tempo. Estão embriagados pela oportunidade de maior aceitação e visibilidade? Sim também. São criticados por isso? Sim e também. Tudo normal e esses "detalhes" escapam aos membros comuns de igrejas e até aos jornalistas e observadores do meios seculares.

Entretanto, o "cair no Espírito" sempre enfrentou resistência nos meios evangélicos reformados, tradicionais, alguns renovados e pentecostais. Só que essas igrejas e denominações não têm juntas ou em separado o poder de comunicação da IURD dona da Rede Record. Logo se essas denominações que nem concordam com o bispo Edir Macedo, se manifestarem ( e acredito questão se manifestando com menos visibilidade ) não estão "chocadas" e nem ofendidas com as revelações da reportagem. Dizer que é só um ataque da IURD é falácia, muitos estariam dizendo as mesmas coisas se tivesse as mesmas condições materiais de fazê-lo, incluindo setores católicos.

Quero fazer uma colocação importante: o pai da cantora Ana Paula Valadão é um pastor evangélico de atitude irrepreensível, em mais de trinta anos que o conheço. O Pr Márcio Valadão me batizou, batizou a minha mãe, apresentou o meu filho, estive em seu casamento e vi Ana Paula na barriga de sua mãe e a vi nascer. É um homem que prega todos os domingos pela manhã e pela noite o Evangelho e a Bíblia. Um homem que em todos os momentos onde o encontrar é o mesmo homem do púlpito e da pregação. Amoroso, atencioso, fervoroso, espiritual, receptivo, verdadeiro, claro e direto. Um exemplo para outros que nem sabem agir como um homem de Deus em tempo integral. Sou membro da igreja desde quando ela era só o templo antigo ladeado por lotes vagos, que nem ainda eram da igreja, e por uma rua de terra barrenta quando chovia. Vi a igreja crescer nesses anos todos, em número, em ministérios e em poder.

A pregação e o ensino do Pr Márcio Valadão não mudaram em todo esse tempo. Contudo há um perigoso senão: a Igreja de Lagoinha sempre foi aberta a "novidades" e com uma grande facilidade, isso mais claramente nos últimos tempos, na última década, à novidades estrangeiras e ênfase em estratégias, das quais o Evangelho, a meu ver, de fato não prescinde. Veja o vídeo do congresso e a cara de bonachão do pr filandês, que utilidade teve o que fez com a Ana e o Pr Márcio? Nota: o Senhor Jesus, ao que se tem de registro na Bíblia, não fez isso a NINGUÉM!



Ana Paula Valadão toma um "boa noite cinderela" from Genizah on Vimeo


*CURIOSAMENTE O VÍDEO FOI RETIRADO DO PORTAL


Tenho me mantido longe de manifestações seja quais forem, bem porque, sendo membro da igreja, não tenho participação em nada, principalmente por não querer me indispor com vários níveis de irmãos, até para não causar desconforto, mas tenho reservas contundentes quanto a certas coisas e não são de hoje, reuniões, programas da Rede Super, declarações de pessoas nos púlpitos, e vídeos que registram reuniões ocorridas na igreja, por intermédio de várias de suas pessoas mais públicas. O malfadado "Encontro" e "Reencontro", " Impacto", a forma como o curso de células está sendo dado, o rumo e as orientações estapafurdias da líder responsável ( minha esposa é teóloga e frequenta  o curso e custa aguentar as bobagens que ouve todos os domingos por parte da líder que foi sua colega de seminário ) sem contar o número de pastores endemoniados que têm "tratamento espiritual", isso sem contar regressões ao estágio de bebê, barriga da mãe e de feto em encontros secretos pagos!

Uma nova onda na lagoinha é "mudança de nome", pessoas com nomes que não significam benção, tem que mudar de nomes( !?! ) Vocês não sabem o número de desviados e endemoniados após as obscuras experiências promovidas pelo famigerado impacto, que aliás é pago! Há uma tênue ligação com certas áreas ocultistas que diferem em tudo da pregação do idôneo líder da igreja, o Pr. Márcio. De fato o joio anda lado a lado com o trigo em muitas esferas, e isso é infelizmente tão natural em todas denominações e na história da igreja, seja mais próxima ou distante.

O fato da Ana Paula cair ou deixar de cair é mínimo, em comparação as demais aberturas a coisas estranhas como declarações de que Deus mandara comprar uma bota para um show em uma cidade de rodeio famoso e outras bobagens, por mais que ela seja receptiva e carinhosa com todas as pessoas em todos os momentos. Não que não possa ser verdade, a experiências privadas com Deus devem permanecer privadas, eu as tenho, minha esposa as tem. Imagine Maria ( a mãe de Jesus ) não guardando todas as coisas em seu coração, o que saberíamos de inutilidade da infância de Jesus Cristo  ( inutilidade para a sua obra e para o entendimento dela - a obra - por nós hoje )? Coisas de menor importância que não convenientemente explicadas se tornariam base para quantas doutrinas espúrias? A bem aventurança de Maria a transformou em quase a quarta pessoa da trindade ( aliás há um projeto teológico católico romano nesse sentido ). Ou seja:  Satanás distorceu mais uma vez uma verdade em detrimento da real mensagem do Cristianismo. Isso pode estar acontecendo de novo.

Que os finlandeses estejam se convertendo à Bíblia e ao Evangelho é ótimo, mas vale lembrar que, a exemplo de africanos, holandeses pentecostais, há uma enorme possibilidade de sincretismo da relação com a Bíblia com velhas práticas ocultistas. Conheci alguns evangélicos pentecostais holandeses, cuja  descrição de coisas relacionadas à Palavra de Deus beiram o surrealismo devido a complexa cultura européia e herança educacional. Os Finlandeses de certo modo são tão inclinados a manifestações exóticas espiritualmente quanto tribos africanas. Some-se a isso a natural e infelizmente repito, natural, subserviência ao estrangeiro. Basta vir alguém enrolando a língua que todos passam a ouví-lo. No culto em questão, só Ana Paula e e seu pai "cairam  no espírito" sendo que havia milhares de pessoas desejosas ou necessitadas de tal "unção pública".

Os fatos foram mostrados e são inquestionáveis, poderiam ser mostrados pela Rede Globo, pela Band, pelo  Ratinho, pelo Datena, por quem fosse e até pela Rede Vida se o catolicismo desejasse atacar essa prática. Não é porque o bispo Macedo aparentemente tenha motivos para atacar os seus antigos aliados que os fatos podem ser negados ou aceitos legitimamente. Aliás essa aliança e proximidade entre a IBL e IURD se deu a nos atrás pela venda de um antigo cinema, o cine São Cristovão, na Av Antônio Carlos, que era propriedade da IURD e por ser muito próximo a Lagoinha foi vendida pela IURD a IBL. De lá para cá a Rede Aleluia passou a veicular as canções do Diante do Trono, o que evoluiu para a sua presença no Troféu Talento.

A retaliação por parte do bispo Edir Macedo pode ter a ver com essa "traição", mas o cair no espírito com seus exageros e patéticas manifestações são reais e inquestionáveis independentes desses fatos. Quanto ao Pr. Silas Malafaia, o único com "cacife" para enfrentar o movimento gay no Brasil ( e com esse enfrentamento  legtimamente se coloca como a voz de muitos evangélicos sobre este e muitos outros assuntos ), toma as dores do cai-cai, exatamente porque algumas das figuras que praticam ou vêem com bons olhos tal coisa, são referência para ele na sua enfática e efetiva forma de arrecadação financeira, da oferta quantitatizada como meio de benção aos colaboradores. Como pode ele denunciar, Benny Hinn, Morris Cerullo, Mike Murdock ( sobre esse especificamente há tanta denúncia de sujeira que Malafaia deveria cortar relações totais com esse "homem de Deus" e não o faz, tendo-o recebido no Brasil recentemente ) e outros claramente antibíblicos, ou seja mais uma vez, como se diz apropriadamente, com algum rabo preso? O pr Silas Malafaia desconhece os recentes fatos acerca da vidas desses três pastores ou não os desconhece e faz mesmas acusações contra, agora desafeto, Edir Macedo? Dois pesos e duas medidas? Por que? ( leia mais clicando no link complementar AQUI )

Desde quando, ou como, gente latindo dentro da igreja, andando de quatro ( tinha até algupem segurabndo uma corda como coleira enquento o cidadão se movbia de uma lado para o outro no salão de culto  ( culto?! será mesmo um culto racional como se referia o apóstolo Paulo nas Escrituras? ) O que se vê registrado pode ser aceito biblicamente? Pode ser desculpadamente e simplesmente explicado? Como um líder como Benny Hinn pode ser acatado em suas práticas quando em seus livros ( amplamente vendidos e aceitos  em livrarias com o a Seara da própria IBL, e via internet por sites ligados a vários televangelistas ) trazem declarações estapafúrdias e claramente anti-bíblicas, verdadeiros devaneios teológicos?

O movimento do "cai-cai" é espúrio e anátema desde o seu princípio e origem ( conforme histórico de um de seus quatro fundadores ) e não é uma opinião a favor dele ou contra o mesmo que mudam os fatos, repito os fatos. Aliás livrarias evangélicas são um laço para novos convertidos, tem de tudo, e os gerentes, os pastores nunca leem o que lá é posto para venda, é o lucro pelo lucro, como em todo lugar.

Todos os calvinistas são contra o cai-cai, até mesmo os calvinistas pentecostais que prezam pelo estudo e o biblicismo ( no bom sentido ) das coisas de Deus e da igreja. E os legítimos assembleianos cuja denominação comemora exatos cem anos  e a sua parcela pelo avanço do Evangelho em todo o Brasil! Evidentemente não entrarão nessa briga tosca  e patética, mas se perguntados aplaudirão a reportagem. Por que não ouvi-los em suas opiniões? Ouçam-nos no que eles ( os que conheciam os fatos e também os novatos que desconheciam as imagens veiculadas na reportagem ) Vejam o que dizem...

Aliás sobre o Benny Him em Belo Horizonte, apoiada a sua visita por todas as igrejas batistas renovadas e muitas mais denominações mineiras, em uma época em que a imprensa secular não dava bola para qualquer aglomeração  ou evento evangélico ( graças a Deus! ) a minha pior e mais patética experiência: o pastor de origem árabe  ( o que seria ótimo ) deu bolo e não apareceu ao evento no Parque da Gameleira, o que foi substituído por cantoria improvisada para encher o tempo literalmente e pregações improvisadas no lugar da grande "estrela do evento". Ao final, depois da sensação horrorosa de faltado algo, ao sairmos do espaço do parque, dezenas e dezenas de pessoas em cadeira de rodas, se degladiando e disputando ônibus e taxis, pessoas que foram ao lugar das mais distantes regiões em busca da cura milagrosa daquele homem de Deus, a "estrela da festa" no lugar de Jesus, cuja desculpa fora: "- Deus me dissera ( na última hora ) para não ir a Belo Horizonte!" Explicação legítima se fosse verdade! Se fosse hoje a imprensa secular cairia "matando"e com toda a razão.

A igreja não precisa de marketing, propaganda em torno de alguém que não seja  o próprio Senhor, nem de estrelas, nem de celebridades enchendo o saco no twitter, falsamente íntimos de fãs virtuais, participando dos mais patéticos eventos, recebendo as mais suspeitas comendas e homenagens, sendo politicamente corretos e ficando em cima do muro em se tratando de  assuntos polêmicos.

Outros se colocam de um lado ou do outro gratuitamente como em toda polêmica, sem contudo mostrar ou tornar mais compreensível a verdade, somente para, se possível lucrar dividendos de clebridades palpiteiras. O repórter em questão, o jornalista é tão "famosos" quem quase ninguém de memória é capaz de dizer o nome dele ou o veículo ( revista, jornal, tv, etc ) que escreve ou trabalha. Um outro recebi um e-mail, refereindo-se a ele como conceituado jornalista, igualmente ignorado pela imensa maioria dos leitores, telespectadores ou internautas, só para dar uma credidiblidade que a opinião por si não tem.

Quem perde nessa história? Deus não perde, pois a sua própria glória não é dada a ninguém, só a Ele pertence. Perdem os nossos esforços em levar outras pessoas ao conhecimento de Deus. Muitos ficarão desanimados nessas horas, outros redescobrirão o caminho bíblico da comunhão e da relação com Deus. Com certeza enfim as pedras rolarão, se moverão e não mais  manifestar-se-á o real estado das coisas, e a obra de cada será finalmente provada pelo fogo da verdade. Aparentemente a polêmica por si só promove muita gente sem destaque, derruba os mais fragilizados em sua prática e consequentemente crença, separa o joio do trigo, mas Deus não é pego de supresa, Ele detém o controle, levará a Sua obra a cabo, aperfeiçoando-a a cada dia.

Aliás crença, algo usado como defesa, cada um tem legitimamente o direito de crer como assim o convier e sentir, não vale  com o argumento de verdade. A questão é: é ou não é de Deus? Segundo as Escrituras Deus não é um Deus de confusão e reiteradas vezes somos lembrados que no espaço da religião, tanto no AT como no NT, manifestações não de Deus são factuais e cabe as pessoas, aos crentes discerni-las como no caso da jovem que seguia Paulo  conclamando as demais pessoas a ouvi-lo. Paulo se apercebendo disso expulsou sumariamente o demônio da jovem.

O desafio não mudou, essa é a realidade. Vaidade, ufanismo, presunção de santidade e poder, podem levar um crente convertido a dar espaço a coisas absolutamente espúrias no seio da igreja. Todos querem apresentar diante dos imrãos de fé e do mundo alguma "novidade", algo que os distinga dos demais. Foi assim com o "sábado" dos Adventistas, o Livro de Mormom dos Mormons, o nome de Jeová das "Testemunhas de Jeová", o amor dos Meninos de Deus, e a lista não pára por ai. Algumas novidades mais danosas, outras menos, umas mais evidentes e aparentes,  outras mais discretas, enfim é sempre assim.

Aparentemente, para muitos, o velho e eterno  Evangelho não basta, não cativa as pessoas o tempo todo. Quem julga estar de pé que se cuide. Contudo o Senhor é Senhor da história e da Igreja e não despreze o fato dessa reportagem a contragosto de muitos ser exatamente uma correção e um basta em mais um dos muitos erros da igreja. O problema não é exatamente quem produziu a reportagem e veiculou publicamente ( poderia ser qualquer igreja ou outro líder que não a IURD ou o bispo Edir Macedo, isso é o menos importante ) mas quem desprezar essa correção.

Os reformados reafirmam a inerrância da Palavra de Deus, a sua não consonância com a cultura humanista que se insere na igreja, com o secularismo e mundanismo e eles estão certos nisso. Vozes de advertência vêm de todos os lados. Não é necessário aderir a uma única corrente. Eleger uma única voz humana como arauto da verdade. Temos as Escrituras, a Bíblia Sagrada, a Palavra de Deus. Ouçâmo-La a cada dia, em todos os dias, diante de cada desafio ou dúvida.A todos nós vale a lembrança, que após crermos legitimamente no Evangelho, não nos desviemos dele!

Por Helvécio S. Pereira


COMENTE ESSA POSTAGEM


HÁ COMENTÁRIOS, LEIA-OS, POR FAVOR!

domingo, 13 de novembro de 2011

JESUS CRISTO: ENCONTRÁ-LO, CRER NELE E SEGUI-LO...JAMAIS PERDER ESSE FOCO

Há um sentimento que pode não corresponder a realidade mas que de vez em quando constato na minha pessoal experiência ( o que não é exatamente um problema, não é uma imposição da minha percepção pessoal sobre a dos outros ) : que já foi mais fácil ser um simples e singelo crente evangélico a alguns anos atrás, ou décadas atrás.

Não que não houvesse escândalos, heresias, desvios, falta de autocrítica por parte de irmãos e lideranças em tantas situações, algo inevitável, como o próprio Senhor Jesus afirmara: é inevitável que escândalos venham...", mas como é difícil convidar alguém a crer no evangelho, via uma igreja, uma denominação, um pregador, um tipo de reunião e para piorar, até que tipo de Bíblia ler ou citar no momento de explicitar a fé no Evangelho. 

Como parece fácil, em um país que se tem, se não total ( de fato a restrições não legais mas circunstanciais  e essas talvez sejam as piores por serem mais sutis ) ao Evangelho e a Palavra de Deus novos e terríveis obstáculos e desvios, proporcionarem sempre a perda do foco no encontro com a verdade da Palavra de Deus e a possibilidade real e venturosa de prosseguir seguindo ao Senhor.

Meus irmãos Calvinistas ficam naturalmente bravos comigo, mas segundo o que leio na Bíblia, nenhum ser humano está, ou foi,  predestinado a ser salvo, mesmo porque em linhas bem simples haveria um motivo para ser "escolhido" para ser salvo, e a própria palavra relacionada e traduzida por "escolher", "escolhido", etc, nas Escrituras, em uma de suas diferentes ocorrências na língua original denota "escolha cuidadosa", a mesma escolha feita ao determinar quem iria ou não a uma guerra. Uma escolha portanto meritória e não graciosa. Logo a predestinação descrita e mencionada na Bíblia, é sempre ministerial, para uma obra ou serviço e nunca para salvação. A predestinação em questão se refere primeiro a Israel como o Povo de Deus e em segundo lugar à Igreja como propriedade de Jesus Cristo. Nesse caso a Igreja foi predestinada, a uma obra, a um serviço, a um testemunho, a uma pregação. a igreja portanto não é um acidente, algo que surgira como consequência da morte de Jesus, mas algo previamente estabelecida na mente de Deus.

Como indivíduo não somos predestinados e nem eleitos, mas como igreja, unidos a ela sim. a igreja portanto é predestinada, assim como Israel como nação o foi e ainda ocupa um lugar nos propósitos de Deus. A salvação portanto é encontrada individualmente por quem tem ouvidos para ouvir, por quem embora nunca tenha visto os milagres feitos pelo Senhor, por ocasião de sua primeira vinda, creram e esses são realmente bem-aventurados. Os salvos, cada um deles, é como o homem que achando um grande tesouro perdido em um campo, em segredo e sabiamente, vendeu tido o que tinha e comprando o terreno se tornou dono do tesouro. A salvação portanto depende de algo pessoal, individual e único que é inclinar-se para as coisas de Deus, amar a luz ao vislumbrá-la pela primeira vez, e perseverar em segui-la até o último dia de sua vida. 

É isso exatamente que a Bíblia diz e não há motivo para, em nome de agradar uma determinada teologia ou tendência teológica "facilitar" as coisas. Seria ótimo ser predestinado e nunca mais ter que se preocupar em ser fiel ou não. Mas não é isso que a Bíblia diz! Igrejas batistas reformadas são calvinistas e crêem na predestinação. Igrejas batistas não calvinistas, negam a predestinação mas rezam na sua confissão de fé que uma vez salvo salvo para sempre. Também estão erradas, não é isso que a Bíblia diz, desconfortadamente. 

Mas e quanto a segurança da salvação? Então não estamos seguros sendo tão fracos diante das tentações e da natural tendência ao erro todos os dias...  Deus da sua parte garante a nossa situação de salvos diante de Si mesmo. Temos a sua proteção, socorro, orientação, guarda absoluta, desde que o nosso coração não se distancie dEle. É essa a diferença.

Um calvinista e um arminiano embora expliquem a salvação por posições diferentes, são ambos salvos pela sua experiência de encontro reais e amor ao Senhor, e ponto final. Na eternidade nada perguntaremos como afirmára o próprio Senhor Jesus. Mas dar uma falsa segurança a quem ouve o Evangelho não é honesto e coloca não poucas pessoas em perigo. Se temos percepção da verdade devemos dizer a elas a verdade das Escrituras. Importa agradar mais a Deus que aos homens.

Igrejas diferentes, lideranças diferentes estão certas e erradas sobre várias coisas, algo absolutamente normal, algo resolvido se seguirmos a Jesus Cristo antes de seguirmos aos homens nossos iguais e irmãos no lugar do Senhorio de Deus e da revelação da Sua Palavra. Poderia dar inúmeros exemplos de contradições e acertos. Tentarei aleatoriamente dar alguns: irmãos reformados defendem objetivamente a inerrância das Escrituras contra toda relatividade atribuída a seus registros, esses irmãos estão inteiramente corretos! Os pentecostais defendem que Deus opera ( deseja e está ativo ) a partir da fe dos que crêem em Sua Palavra, a Bíblia Sagrada, como nos tempos apostólicos ( livro de Atos e NT ), e esses irmãos também estão certos, corretos! Torçam os narizes que quiser e não concordar com essa declaração de fé. A despeito de muito ruído em torno da "teologia da prosperidade", a favor e contra, antes dessa polêmica, a Bíblia já revela que o Deus da Bíblia é quem exalta, enriquece, prospera, etc.


Se algum pastor oculta essa possibilidade aos pobres de sua congregação age no mínimo de má fé ou demonstra incredulidade na Bíblia que tem nas mãos. Aliás o homem que foi durante muito tempo o mais rico do mundo, com fortuna três vezes maior que a de Bill Gates, era calvinista e se enriqueceu em apenas seis anos! Aliás antes da "teologia da prosperidade" combatida por tradicionais e calvinistas, o calvinismo representou uma fé possibilitadora de riqueza numa fomentação de uma ética protestante que sem ela não vingaria no capitalismo. Mas isso tudo é outra história.

O que importa é que se alguém é levado a parar, repensar a sua existência, dar ouvidos a Palavra de Deus, decidir a crer nela e principalmente no Deus criador de todas as coisas, arrependendo-se de seus pecados, entregando a sua vida para ser conduzida, vivendo agora não para si mesmo mas como propriedade legítima dAquele que nos fez e a todas as demais coisas, aguardando no seu coração, um encontro com o Seu Senhor e único suficiente Salvador Jesus Cristo,  ou antes dentro de sua geração, a Sua volta eminente e revolucionária na história do mundo e da humanidade.

Do outro lado estão todos que com base em motivos pessoais, isolados ou não, rejeitam peremptoriamente a Bíblia como a Palavra de Deus, a Jesus Cristo como Deus conosco, Salvador e Senhor, ou que crendo relutam em deixar os seus pecados, induzindo outros a erros maiores, e perpetuando uma religião cristã, com teologia, liturgia, comunidade, sem novo-nascimento e sem conhecer de fato ao Senhor Jesus Cristo.

A esses, e não pelo fato de ter ou não expulsado demônios e curado pessoas ( o centro da declaração não são essas ações em particular ) Jesus declara para que se apartem dEle ( Jesus ) pois jamais os conhecera, ou seja nunca se encontraram com Jesus e com Ele nunca se relacionaram. O texto usado erradamente como pretexto para não se fazer curas ou expulsar demônios serve como alerta aqueles que nunca creram que não deveriam curar alguém, expulsar demônios e assim libertar alguém, mas que igualmente aos advertidos na passagem bíblica, jamais se relacionaram pessoal e verdadeiramente com o Senhor Jesus. Seu cristianismo foi posicional, simpático como confissão e teologicamente, mas nunca pessoal, real, relacional, apenas teórico como qualquer ideologia, filosofia, posição científica, etc.

Crer sem reservas na Bíblia e no que ela diz como a Palavra de Deus leva o leitor a conhecer Aquele de quem toda ela testifica e revela: Jesus Cristo, Deus e homem, o único nome dado nos céus e dentre os homens para que sejamos salvos. Esse constatação leva inevitavelmente ao arrependimento e do arrependimento a separação ( santidade ): somos do Senhor quer vivamos ou morramos, essa é a nossa segurança, e sim  por essa perspectiva, não há perda da salvação por parte do crente.

Não por predestinação, ou por uma lógica resultante de algo fixo. Não nos perderemos porque O amamos e ele nos ama. Porque Ele é fiel, capaz, plenamente  capaz de cuidar de nós em todas as circunstâncias e contra todos os elementos dificultadores. Poderíamos nos perder pela oposição do Diabo, de Satanás, do mundo e por nossas próprias limitações pessoais. Mas se com Ele temos comunhão somos guardados a cada dia e a cada dificuldade Ele mesmo está conosco, onde estivermos, por mais diversa sejam a cultura, a época, os  desafios e as condições sociais e econômicas, na guerra ou na paz.

Querido irmão não perca  o foco. Não se deixe desviar ou passe a priorizar coisas que não são de fato prioritárias mesmo na vida cristã, na tradição evangélica como é o nosso caso. Não se escandaliza nem com grandes ou pequenas coisas. de fato nenhuma delas é de fato  uma 'novidade", não se assuste e e nem se escandalize. Não somos chamados a defender nada que não seja o Nosso Senhor, nenhuma denominação, movimento, nem mesmo grandes nomes tidos como grandes homens de Deus. Limpe o panteon de sua mente, e preserve apenas o nome do Senhor Jesus. Todas as demais coisas tem o seu lugar mas não podem rivalizar nem de longe com a autoridade única do Senhor único de todos nós.

As igrejas, as diversas denominações, podem e de fato possibilitam, oportunizam que talvez eu e você tenhamos acesso a coisas que sozinhos não teríamos, somos afinal seres sociais, em que uns ajudam aos outros construindo conhecimento e oportunidades coletivamente. O templo de Jerusalém, o templo de Herodes estava destinado a destruição, mas Jesus ia lá, pregava lá, observava as pessoas, Ele o Senhor Jesus não destruiu o templo previamente com tudo o que ele, o templo significava. Da mesma forma as diversas denominações coexistem e tocam as suas vidas, onde a Palavra de Deus está sendo pregada, lembrando as pessoas que devem lê-la, que devem buscar urgentemente ao Senhor. Há os que vem e ouvem e bebem de graça da água da vida e aos que desprezam. Essa é a linha divisória ente os que crêem e os que não crêem.

Por Helvécio S. Pereira




COMENTE ESSA POSTAGEM

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

O QUE VOCÊ SABE SOBRE A MORTE?

A única certeza que se tem e algo que sobre cada vez mais se brinca, menospreza e se ignora mesmo no âmbito da religião. A morte é um fato inegável, as vezes pode ser postergado mas nunca vencido, todos morrem e todos morreremos um dia. Na discussão necessária muitas vezes a religião cumpre apenas o papel de apenas torná-la mais palatável e a ciência em descrevê-la como um último acontecimento naturale determinado dentro do mecanicismo materialista.

É o homem de igual natureza e valor, tal qual qualquer um dos demais seres vivos ou não, isso pensado de modo em que o homem valha tão pouco quanto qualquer animal, planta ou ameba? Ou de modo contrário: plantas e animais seriam tão valiosos, importantes de algum modo, tais quais os seres humanos? Embora pareçam simplórias essas questões, não o são de fato, e não poucas religiões bem como igrejas, se esforçam em sincera ou mal pensadamente, dar uma palavra final como respostas a quem lhes der ouvido acriticamente.

Kadercistas imaginam que haja um céu para os animais e hindus se imagina reencarnando em animais cuja dignidade seja pensadamente maior que a de um ser humano. Claro essa reflexão não é apropriada a um alonga divagação sobre o que cada religião, credo ou teologia descreva comparativamente o homem, a sua morte e um modelo de presumível volta  a esse mundo. Mesmo no cristianismo a eternidade é vista as vezes como um prêmio no que se refere à  salvação dada ao crente e como aniquilação dada ao mau, essa também  não é uma declaração conforme a revelada na Bíblia, nas Escrituras, na Palavra de Deus, como a cremos. 

A Bíblia não só revela o que é pertinente à nossa história como espécie, raça, seja o que for, como acerca  da nossa natureza, do que somos de fato, só corpo, corpo e outra coisa, corpo e alma, corpo e alma e espírito, alma imortal ( com início e sem fim ),espírito com início e sem fim, ou espírito sem início e sem fim ( parte de Deus ) sobre todas essas questões as pessoas, religiosas profissionais, religiosos ou não, tem  respostas parciais, intuitivas, fruto de teologias oficiais, oficiosas, leigas, etc.

Embora não pretenda fazer nessa reflexão uma exposição completa do assunto ( desejo apenas trazê-lo a baila nesse dia de finados , 02/11 ) todas esses pontos são uma realidade quando casual ou forçadamente as pessoas param para pensar na morte. Por outro lado é estranhamente natural que pareça no nível do sentimento pessoal, para muitas pessoas, passar toda uma vida, de fato viver bem sem pensar ou se importar seriamente com um imaginável destino eterno.

Gostaria de adiantar apenas que do ponto de vista da revelação bíblica a morte é o maior desastre do qual a experiência humana não possa fugir, de fato é a pior coisa a acontecer a um ser dotado das capacidades  das quais o ser humano é dotado, desde a inteligência, capacidade criativa, linguagem, relações interpessoais, espiritualidade e percepção da eternidade. Um ser com tantas possibilidades ser interrompido na sua trajetória, nos seus feitos, nas suas lembranças é do ponto de vista real uma irrecuperável tragédia.  

Se por outro lado a despeito dessas ilusórias possibilidades, o ser humano for apenas como uma vela que se consuma, uma lâmpada que se quebre, ou um veículo que nunca mais funcione e que se desmanche pela ferrugem e o abandono, que razoabilidade haverá na existência?

Todas as perguntas acerca da morte estão respondidas na Bíblia, nas Escrituras, que cremos ser só elas a Palavra de Deus. Infelizmente as pessoas aceitam muitas outras respostas, mentirosas, enganosas, falsas, que anestesiam a dor real da perda e da saída solitária da vida e desse mundo muitas vezes amado como único trunfo e realidade a ser motivo de sonhos, lágrimas, sorrisos, dor, fé e esperança. Só ouvimos o que nos faz bem e que agrada ao nosso coração e satisfaz a nossa imperfeita lógica.

As Escrituras não tem a vida eterna ( algo a ser desejado e buscado e de fato é desejado e buscado por muitos a parte dela ) mas apontam para Aquele que segundo Ele mesmo, é a vida eterna: Jesus Cristo!
Ele afirmara que todo o que cria nEle será ressuscitado por Ele mesmo no último e definitivo dia. Como disse essa postagem não é um tratado teológico sobre Deus, o homem, e a salvação do homem. apenas um convite para se pensar seriamente no assunto morte e eternidade, ao qual todos esses pontos estão de fato atrelados. O leitor deve parar a sua rotina e portanto pensar muito seriamente nessas questões.

Geralmente creditamos essas questões a religião institucionalizada, a religiosos profissionais, que vivem como trabalhadores de uma determinada igreja e denominação, sujeitos a uma teologia seja ela qual for. É como se fossemos ao dentista e confiássemos nele para cuidar de nossos dentes, ao mecânico para cuidar de nosso carro, etc. Muitos entregam a uma igreja, mesmo cristã, a um padre ou pastor, a palavra final sobre sua fé. Só que o dente, como algo em si, o o automóvel não tem ambos alma, ou uma provável eternidade diante de si. Cada um deveria preocupar-se seriamente com sua própria alma, uma instituição pessoal, privada, única e própria e examinar de fato o que há de verdade e de engando relacionado a essas questões.

Há uma perdição eminente, que não pode ser mudada, nem sequer atenuada, por uma questão de justiça de legalidade, terrível, indescritível. Por outro lado há uma salvação da qual não há palavras que possam descrever toda a sua grandeza. Ambas proporcionadas por um Deus, tantas vezes ignorado, questionado, desprezado, feito mentiroso, desconsiderado como real e aparte de toda concepção humana seja religiosa, filosófica ou ideológica.

Portanto e finamente há, segundo a Bíblia, uma salvação e um Salvador que se ignorado e desprezado, não será real por quem, com relação a ela ( salvação ) e a Ele ( Jesus Cristo ) assim se comportar. Busque na Palavra de Deus a informação fidedigna para crer e receber a salvação real daquele que é o que salva individualmente cada um de nós. Você caro leitor pode não gostar, pode até imaginar outras opções, escolhas e possibilidades até imaginosas, mas segundo as mesmas Escrituras não as há. Arrependei e crede no Evangelho é a única, real e factual opção. Durante a nossa vida muitas informações que nos desviam da verdade se colocando em nosso caminho nos colocam em situação perigosa em relação à eternidade.

Jesus Cristo, o Deus encarnado, por menos palatável que seja essa história que mudou a história da humanidade e do mundo, é o que dá a vida eterna, a salvação, ou seja a vida após a morte, sem fim e infinitamente superior a tudo que possa ser desejável e experimentado de bom nessa vida. O contrário, por possibilidade também razoável, é o inimaginavelmente pior de tudo o que possa ser experimentado e vivenciado de pior nessa vida. Qual será a sua escolha afinal?  

Se a vida é maravilhosa e de incontáveis possibilidades tanto para o bem como para  o mal, imagine quanto a uma eternidade? O Senhor declarara certa vez e sua voz soa por cerca de dois mil anos: "-Louco hoje te pedirão a tua alma e o que tens para oferecer?" Ou se é salvo, por alguém ou algo que possa garantir essa salvação ou não se é, não se a tem, não há outra possibilidade plausível e possível. E outra vez: " Cada um dará conta de si mesmo a Deus". Não será diferente com relação a nenhum de nós um dia, quer dizer, no dia de cada um , da morte de cada um de nós e no presumível e razoável dia do Juízo Final.

Pense nisso e mais:faça alguém pensar nisso.

Por Helvécio S. Pereira

CLIQUE NA IMAGEM E FAÇA O DOWNLOAD DESSE E-BOOK

CLIQUE NA IMAGEM E FAÇA O DOWNLOAD DESSE E-BOOK
Clique na imagem acima e saiba como fazer o download desse importante e-book

EM DESTAQUE NA SEMANA

VOCÊ NÃO PODE DEIXAR DE LER




09 Dez 2010
Reflexões acerca do que a Bíblia revela e declara sob a ótica cristã autêntica. Nada porém substitui a leitura pessoal da Bíblia, a inerrante Palavra de Deus. LEIA A BÍBLIA! Salmos 119:105 Lâmpada para os meus pés é tua palavra, ...
19 Dez 2010
Essa pessoa sai pensando em Deus de um modo ou de outro, e em decisões que fatalmente terá de tomar frente ao divino. Nas prisões, após ouvir um pregador ou missionário de uma ou outra igreja, os criminosos mais terríveis param para ...
01 Dez 2010
A Bíblia é fonte inesgotável de ensinamentos dados do ponto de vista de Deus. As Sagradas Escrituras só não revelam o que, segundo a aprovação de Deus, Ele mesmo por Si não quer revelar-nos. Deus não revela coisas imposto pela ...
09 Dez 2010
Infelizmente ou ao contrário, como seres sociais e assim planejados por Deus, só construímos conhecimento em cima de informações e conhecimentos que nos antecedem. Por isso é natural não poucos de nós repetirmos conclusões feitas por ...

UM ABENÇOADO E VITORIOSO ANO NOVO A TODOS! OBRIGADO A TODOS OS LEITORES E VISITANTES!

Arquivo do blog

TEOLOGIA EM DESTAQUE: DIVERSAS POSTAGENS


26 Ago 2010
Nessa postagem quero deixar claro que dentre as diversas teologias usadas ( teologia popular, teologia leiga, teologia ministerial, teologia profissional e teologia acadêmica ) a que move a igreja e faz avançar o seu ...
27 Out 2011
Por experiência entenda-se todas as comprovações factuais acerca do que se crê conforme a teologia crida, seja essa oficial, oficiosa, leiga, individual, etc. Assim posto, é necessário colocar que o que me fez tocar nesse ...
25 Ago 2010
A teologia leiga é portanto um passo além da teologia popular, na verdade uma passo acima. Quando um crente dedica-se mais sistematicamente a investigação da sua fé , buscando uma melhor forma de não só expor o ...
11 Jan 2011
Conforme postagens anteriores que esclarecem a diferença entre teologia oficial e leiga, evidentemente em todas as igrejas há, por parte de seus membros uma teologia mais popular e uma teologia pessoal. Mesmos ...

links úteis

Atenção!

TODAS AS NOSSAS POSTAGENS TRAZEM ABAIXO LINKS PARA COMPARTILHAMENTO E IMPRESSÃO E SALVAMENTO EM PDF. NO CASO CLIQUEM 'JOLIPRINT' E UM SITE CONVERTERÁ O POST EM UM PDF AGRADÁVEL DE SER SALVO E PORTANTO GUARDADO PARA LEITURA POSTERIOR ( fica visível em alguns navegadores, aproveite essa funcionalidade extra! )

CRISE NO CATOLICISMO

ACESSE JÁ CLICANDO NO LINK ABAIXO

ACESSE JÁ CLICANDO NO LINK ABAIXO
VÁRIAS VERSÕES, ESTUDOS SOBRE CADA LIVRO DAS ESCRITURAS

NÃO PERCA UMA POSTAGEM DIGITE ABAIXO O SEU E-MAIL OU DE UM AMIGO

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

ATUALIDADE ! CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E LEIA AGORA MESMO!

ATUALIDADE ! CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E LEIA AGORA MESMO!
NÃO PERDER O FOCO...QUAL O REAL PRINCÍPIO DO CULTO? CLIQUE NA IMAGEM ACIMA E ACESSE

CURSO TEOLÓGICO GRÁTIS! *HÁ TAMBÉM OUTROS CURSOS DISPONÍVEIS

QUEM INVENTOU O APELO NOS CULTOS?

SOBRE O LIVRO DE GÊNESIS, LEIA AS PRINCIPAIS POSTAGENS

25 Nov 2010
Tenho algumas vezes, em minhas despretenciosas reflexões ( despretenciosas por não terem o tom acadêmico e muito menos professoral, são apenas reflexões ), dito que se não se crer no que o Livro de Gênesis declara, não é necessário ...
31 Jan 2011
-A razão das atuais, ou pelo menos de predominância histórica, das condições existenciais e morais do homem têm no Gênesis a sua satisfatória resposta. A existência de condições nem sempre e totalmente favoráveis a nosso conforto ...
11 Jan 2011
Como parte do pentateuco, o Gênesis, depreciado modernamente graças a nossa submissão e endeusamento da ciência, que com a sua contribuição à saúde, tecnologia e construção material da sociedade, pouco ou quase nada tem a dizer sobre ...
21 Nov 2010
A religiosidade cristã moderna ou atual, de há muito tem se contentado e desprezado as narrativas de Gênesis, precioado por parte majoritária de setores quase que totais do mundo científico e da falsa sensação de que tudo pode ser ...

O GÊNESIS, COM NARRAÇÃO DE CID MOREIRA E IMAGENS

NÃO DEIXE DE LER OS SEGUINTES POSTS DENTRE OS MAIS LIDOS...

29 Mai 2010
UM LIVRO OBRIGATÓRIO PARA CATÓLICOS E EVANGÉLICOS ACERCA DA ERRÔNEA CULTURA DO CULTO A MARIA. Recebi por indicação do irmão Jorge Fernandes Isha, um e-book gratuito, de leitura obrigatória para os evangélicos e para ...
16 Fev 2010
Judas era o mais culto, de origem e status social diverso dos demais, de outra cidade, e foi substituído não pelo apóstolo dentre os discípulos eleito pelos demais, por própria escolha de Jesus, após a morte de Estevão, Saulo, discípulo de Gamaliel, provavelmente o mais preparado ...Melquesedeque, Maria , José, e tantos outros. Deus se dá a conhecer plenamente a cada um que o ama. O ue Ele fará na história as vezes não noscompete saber, as vezes sim. Essa é a diferença. ...
19 Mar 2010
Tal qual os fariseus, põem não poucos impencilhos que vão desde reparações a pregação simples e com pouca ligação com a hermeneutica e pregação convencionais, a música, letra das canções, a ordem do culto, forma dos apelos e ... Essa pessoa , esse novo crente, como filho ou filha de Deus de fato, tem agora uma nova vida, como Madalena, Zaqueu, o Gadareno, o Centurião, Nicodemos,o ladrão da cruz, Marta e Maria, Lázaro ( não necessariamente nessa ordem ), e tantos outros. ...
04 Mar 2011
Nesse aspecto seria legítimo um católico cultuar Maria como N.Senhora, um muçulmano a Maomé como seu legítimo profeta, um budista como objeto de culto, e assim por diante. Todoslçegitimamente amparados por sentimentos sinceros e ...
English (auto-detected) » English




English (auto-detected) » English


English (auto-detected) » English

VISITE JÁ UM BLOG SOBRE ATUALIDADES RELIGIOSAS E FATOS IMPORTANTES NO MUNDO

VISITE JÁ  UM BLOG SOBRE ATUALIDADES RELIGIOSAS E FATOS IMPORTANTES NO MUNDO
CONTANDO OS NOSSOS DIAS ACESSE JÁ. CLIQUE AQUI!

ESTUDE EM CASA.TRABALHE EM CASA!

leitores on line

OPORTUNIDADE!

LEIA: E-BOOKS EVANGÉLICOS GRÁTIS Clicando na imagem a abaixo você fará os downloads dos mesmos